Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

The Limping Mackerel

The Limping Mackerel

18
Abr19

Valor

O valor de uma pessoa não se mede pelos seus bens, e muito menos pela pessoa que "é" (e nunca percebi o que significa esta parte, e como se pode medir e quantificar). 

Uma pessoa vale pela sua capacidade de obter dinheiro. Não importa a maneira como o faz, importa a quantia e a rapidez com que consegue fazer lucro. 

17
Abr19

anedonia

É um bocado triste olhar para o que antes nos dava alegria e não sentir nem um tracinho da mesma. É estranho recordar os nossos interesses, pelos quais os outros nos reconheciam, e constatar que algo que parecia imutável na nossa mente é facilmente descartado e substituído. 

Bem, vou confessar um pecado, algo grave. Quando era pequeno gostava de ler. Era a minha (única) coisa. A minha mãe, por sua vez, detesta livros, e odeia ver-me a ler. Era brigas, era choros, uma guerra que durou décadas. E sempre que algo mau acontecia, é claro que a culpa era dos livros. O meu feitio de merda era culpa dos livros. As minhas notas de merda eram culpa dos livros. A minha existência de merda como filho inútil era culpa dos livros. Mas eu insistia em continuar a ler, qualquer coisa, sob qualquer forma (porque sou um merdas teimoso).

Anos passaram, prioridades mudaram. Saí e voltei. E quando voltei só conseguia olhar para os meus livros como lixo. O que era antes um tesouro para mim é agora algo que causa dor à minha mãe sempre que ela passa por eles. Não me recordo do que me ensinaram, não me lembro da alegria que me faziam sentir. A única coisa que sei é que a minha mãe os odeia e a mera presença deles a faz sofrer.

Então queimei-os.

16
Abr19

Eurovisão

Tenho um sonho. Ficaria muito feliz se Conan Osíris fosse à Eurovisão e em vez de cantar Telemóveis cantava QMD, que é a música mais bela, mais pura que ouvi em toda a minha vida.

15
Abr19

enésima coisa que me irrita

Irrita-me viver ou trabalhar com pessoas porcas. Detesto, repudio, tenho nojo absoluto de pessoas que deixam atrás de si substâncias incógnitas aderentes a todo o tipo de superfícies. Chateia-me ter que me baixar a cada dois passos para ter de apanhar um pedaço de lixo quando estou a trabalhar. Fode-me os cornos deixar tudo arrumado para voltar ao trabalho no dia seguinte e ver que foi tudo pró caralho. O asco que sinto por este comportamento é tão grande que não consigo, no meu íntimo, vê-lo como humano. É pior que bicho.

 

14
Abr19

Xadrez

Gostava de ter alguém com quem jogar xadrez. Não sou bom jogador, não sei técnicas e não consigo planear para além do imediato. Mas é engraçado e relaxante.

14
Abr19

A song of ice and fire

Já li os livros e algumas das pequenas histórias extras. Já vi todos os episódios, alguns duas vezes. Há alguns anos atrás gostava de ler teorias sobre o que iria acontecer e estava investido no percurso de algumas personagens. Mas acho que não vou ver esta temporada. Não porque as minhas personagens favoritas morreram ou por achar que a qualidade da série piorou. Apenas estou desinteressado.

11
Abr19

Dar sangue

Dei sangue uma vez. Não foi uma ideia muito boa, porque fiz na hora de almoço e passei a tarde toda a bocejar. Mas tirando isso foi engraçado. O peso, a tensão, a hemoglobina estavam todos no mínimo, mas aceitaram-me. Tive de ficar muito quietinho, mas não foi completamente aborrecido. As senhoras enfermeiras foram simpáticas e explicaram tudo passo a passo.

Resumindo, é uma hora em que ficam sentados sem fazer nada e recebem bolachas e água em troca. Vale a pena. Ah, e passados alguns dias dizem qual é o vosso grupo sanguíneo, e assim ficam a saber mais sobre o vosso corpo.

10
Abr19

famiglia

Não entendo o escândalo da nomeação de familiares para cargos do governo. A minha mãe sempre disse que tomar conta da família é sinal de bom carácter. Isso significa que o nosso país está em boas mãos, certo?

09
Abr19

Maria Leal

A Maria Leal é o meu ídolo. Tem auto-estima inabalável e plena confiança nas suas capacidades e na sua aparência. Tem um amor à atenção, ao espectáculo, à exibição, que me fazem chorar de inveja. Ela ganha a vida fazendo o que gosta, mesmo sem qualquer talento para tal. Tem pessoas que a apoiam e a ajudam a concretizar os seus projectos. Quantas pessoas podem dizer o mesmo? Eu não.

Muita gente pode não gostar dela, mas ela ama-se, faz aquilo que quer e isso é o mais importante para a sua felicidade.

Pág. 1/2

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D