Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

The Limping Mackerel

The Limping Mackerel

28
Jul21

Cruz

Já não me lembro onde li ou ouvi isto, ou se é uma crença católica comum, mas cada pessoa tem a sua cruz, um desafio único, algo na vida que têm de superar ou suportar, do qual não podem escapar. Acho que sei qual é a minha cruz. Oh pá, sei que não é má nem grave, sei que é uma cruz que só alguém privilegiado pode considerar um problema. É tão sinónima de privilégio e vida fácil que ninguém a leva a sério (é uma anedota na verdade), e só depois de anos a reprovar na faculdade é que a minha família aceitou que talvez não seja preguiça e má-vida o meu problema (é tão estranho quanto os meus pais me apoiam agora; não consigo acreditar que isto vá continuar; conheço pessoas que foram expulsas de casa por muito menos).

Mas além de sofrimento subjectivo já perdi tantos anos da minha vida com este problema. Estou tão atrás das pessoas da minha idade, com quem fui à escola, com quem entrei na faculdade, com quem me devia identificar, que acredito que este problema é o meu karma, o meu fardo nesta vida. 

Há umas semanas reparei que posso ter este fardo aliviado em breve, e que apesar de continuar a existir, deixará de ser um limite à minha educação/carreira. Se conseguir, em breve a minha vida poderá continuar a um ritmo normal. 

Por um lado, não acredito que o consiga ultrapassar, e prevejo mais um ano trancado em casa (sou de tal maneira avançado que fiquei meses em isolamento antes da pandemia começar, sou campeão nisto). Não acredito que passarei este exame sem pagar mais 1 ano da minha vida. E estou francamente cansado.

Mas por outro lado, ah, quase que consigo sentir a liberdade! Poder passear num jardim sem culpa! Adoptar um gato! Fazer jardinagem! Visitar família! Ir ao dentista! Estudar com gosto, curiosidade e liberdade, e não com este peso nos ombros! Pensar no futuro em datas concretas, e não em anos incertos! Sentir-me como uma pessoa útil e adequada para viver em sociedade! Ter colegas com os mesmos problemas e desafios que eu! Andar com a minha vida para a frente e deixar de ser um parasita e vergonha para a minha família! Voltar a escrever! Cozinhar e limpar por necessidade e não porque são os únicos métodos de coping a que me permito! 

Não sou ambicioso, não vou atrás de distinções ou prémios, e não me preocupo com bens materiais para além de utilidade e conforto. Mas quero andar para frente. Quero ser diferente de quem era no ano passado, de maneira concreta e material. Quero trabalhar na área para que estudo. Estou tão farto de perder "os melhores anos da minha vida" para este estúpido defeito.

comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D